MMA, UFC, opinião, notícias, artes marciais, vídeos, lutas e fotos

Mutante aguarda decisão sobre cirurgia para confirmar luta no Rio

Campeão do torneio dos pesos-médios do “The Ultimate Fighter Brasil – Em busca de campeões”, Cezar Mutante provavelmente será o terceiro brasileiro anunciado no card do UFC Rio III, após Glover Teixeira e Rony Jason. A intenção da organização era anunciar o lutador paulista radicado em Minas Gerais na quarta-feira, junto a Jason, mas Mutante revelou que se recupera de uma lesão e ainda pondera uma possível cirurgia antes de tomar uma decisão. Caso seja liberado para lutar, o peso-médio torce para, enfim, realizar o sonho de atuar no mesmo evento que o amigo e “padrinho” Vitor Belfort.

Mutante não quis revelar a natureza de sua lesão durante o evento UFC Day de quarta-feira, quando deu palestra e participou de um “aulão” com alunos do Instituto Reação no Rio de Janeiro. Durante a leve atividade, o peso-médio não demonstrou sentir dor, mesmo enquanto trotava pelo tatame ou quando demonstrou golpes do judô ao lado das crianças. Apesar disso, a lesão é séria o suficiente para o lutador mencionar a possibilidade de cirurgia e adiar a decisão para a próxima semana.

– Preciso da liberação (do médico) para saber se vale a pena entrar num camp de treinos agora, ou se é melhor parar para fazer uma cirurgia – contou Mutante.

Caso a decisão seja favorável, o peso-médio já pensa na possibilidade de estar no mesmo evento que Vitor Belfort, seu companheiro de equipe e um dos maiores incentivadores de sua carreira. Os dois deveriam atuar juntos no UFC BH, em junho passado, mas uma lesão na mão tirou o lutador carioca de seu confronto com Wanderlei Silva.

– É meu sonho, estar num card junto com esses grandes campeões, como o Vitor e o José Aldo. Não conversamos ainda, fui convidado para fazer a luta, não sei se ele foi escalado ainda, mas ficaria muito feliz em lutar no mesmo evento que o Vitor. Era para ser em Belo Horizonte, infelizmente ele lesionou a mão… Quem sabe não é nesse, né? – disse.

Foco em casa e elogios de Dana White

Cezar Mutante foi o único dos lutadores do TUF Brasil que escapou das críticas do presidente do UFC, Dana White, por suas atuações no evento final do programa. O chefão acusou os atletas de se deslumbrarem com a fama e fazerem muita festa, mas elogiou o “menino do Belfort” pela vontade e pela habilidade demonstrada na luta com Serginho Moraes. Mutante ficou feliz com as palavras do dirigente e disse que elas servem como estímulo. Por outro lado, não quis comentar sobre se seus companheiros de programa perderam ou não o foco. O seu, ele manteve por estar em casa – mora em Belo Horizonte desde os 18 anos de idade.

– Eu não acompanhei o que os outros lutadores fizeram porque não fiquei no hotel junto com eles. O UFC foi realizado na minha cidade, em Belo Horizonte, e eu treinava e voltava para minha casa. Não tive esse contato e não vi tudo o que aconteceu – explicou Mutante.

(Fonte: sportv.globo.com )

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s