MMA, UFC, opinião, notícias, artes marciais, vídeos, lutas e fotos

Mãe de Sonnen se manifesta a favor de seu filho

Em sua declaração mais polêmica sobre Chael Sonnen desde o início da rivalidade, Anderson Silva, entre outras ameaças, afirmou que pretende dar ao americano a verdadeira “lição” que seus pais não deram quando criança na revanche deste sábado, pelo UFC 148. A ameaça do Spider, que aconteceu na semana passada, desagradou muito a uma pessoa em especial: Claudia Sonnen, mãe e fiel escudeira de Chael, que está presente nos treinamentos diários e nos eventos que antecedem as lutas de seu herdeiro. Sem papas na língua, ela criticou duramente o brasileiro, afirmando que crianças não precisam apanhar.

– Quando eu ouvi o Anderson dizer isso, a primeira coisa que eu pensei foi: se o Anderson acredita que devemos bater em crianças, então a mãe de seus filhos deveria pedir guarda exclusiva, pois isso é muito assustador para mim. Não acredito que pais deviam bater em seus filhos – disparou Claudia.

Aos 35 anos, Chael ainda é muito ligado à sua mãe e a toda sua família. Claudia revelou um lado pouco conhecido de seu caçula, que assumiu uma função de protetor para ela, para sua irmã mais velha e para seus sobrinhos após a perda do pai, há 10 anos. Segundo a mãe do lutador, o patriarca era a inspiração e grande referência do atleta.

– Seu pai era seu mentor, o desafiou, o deixou nervoso, o fez feliz. Eles eram muito próximos. Ambos tinham o mesmo senso de humor. Foi mais duro para o Chael, mais do que até ele esperava. Mas também o tornou mais determinado para buscar o sucesso. Quando o Tito (Ortiz) era campeão dos pesos-meio-pesados e o Chael lutava naquela categoria, (Chael) disse ao seu pai, “Vou bater Tito Ortiz e conquistar o cinturão”. Agora, ele vai lutar pelo título no mesmo card que Tito. É como se estivesse fechando esse ciclo – disse a mãe, emocionada.

Claudia também contou que o jeito falastrão de Chael Sonnen o acompanha desde menino. Com bom humor, ela afirmou que seu filho não veste um personagem para vender lutas e, desde os tempos de escola, já tinha o dom de surpreender a todos com suas respostas ousadas e alfinetadas.

– A mente dele sempre funcionou mais ou menos como vocês estão vendo. A gente pergunta uma coisa, espera isso como resposta e recebe aquilo. Ele sempre foi meio assim, mesmo quando jovem e criança – completou.

Claudia também falou sobre a rivalidade acentuada entre Anderson Silva e seu filho e saiu novamente em defesa de sua cria. De acordo com ela, Chael não tem problemas com o Brasil; apenas questiona a relação do Spider com seu país de origem.

– Meu filho ama o Brasil. Ele acha que Anderson está tirando muito do Brasil e não está devolvendo tanto. Embora Chael não ganhe nem perto do que Anderson ganha, ele ajuda as pessoas. Meu filho dirige um carro velho, que solta fumaça, porque não pode pagar por outro. Isso é o que o incomoda. O Brasil idolatra Anderson – explicou.

(Fonte: sportv.globo.com )

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s